“Professor, eu ganho muito pouco pra isso”


Nos cursos de Merchandising no Ponto de Vendas que trabalhamos com jovens aprendizes, planejo atividades práticas dentro de supermercados próximos a unidade que estamos ministrando o curso. Dividimos a turma em equipes e passamos as orientações das atividades práticas antes de dirigirmos ao local da prática.

Num destes encontros, enquanto as equipes fotografavam produtos, analisavam as técnicas de merchandising estudadas, observavam clientes e aspectos internos da loja observei uma aluna afastada de todos, fora da loja, do outro lado da rua. Dirigi-me até a estudante.

- O que houve? Por que você não está fazendo a prática junto com os seus colegas de equipe?

- “Professor, eu ganho muito pouco pra isso”

Encerradas as atividades, já na volta para a unidade deixei a turma caminhar mais a frente e viemos “trocando uma ideia”. Em nossa conversa recorri a uma célebre observação do consultor Waldez Ludwig:

- “O cara que começa a jogar bola ganha salário mínimo e ele não faz gol contra por que ganha pouco (...), ele vai lá e mostra seu talento” “se você ganha pouco faça um trabalho espetacular, por que aí alguém vai te achar”

#motivação #recursoshumanos #produtividade #treinamentoedesenvolvimento